15:48:00
0
Garagem Home Office onde a HP nasceu
Garagem Home Office onde a HP nasceu

Após o Yahoo, fazer o maior barulho no mundo ao proibir o Home Office, enquanto sua presidenta tinha dinheiro suficiente para levar suas babás para o trabalho, hoje foi a vez da HP que pedir para que seus funcionários deixem de trabalhar fora do escritório na medida do possível e voltem ao escritório.

A mensagem da HP para trazer seus funcionários para dentro do escritório foi a seguinte:
"durante este crítico período de virada, a HP precisa de todas as mãos no convés. Nós reconhecemos que, no passado, pedimos a determinados funcionários para trabalhar de casa por várias razões. Nós agora precisamos construir uma melhor cultura de engajamento e colaboração e quanto mais empregados nós tivermos no escritório, melhor a companhia será."

O mais irônico disso, é que a HP é um ótimo exemplo daquela típica empresa que nasceu em uma garagem, fruto do trabalho desde casa. E a ironia segue, se você analisar o tipo de produto que ela nos oferece, que é justamente o tipo de produto que nos ajuda a trabalhar de casa. E vou mais longe ainda, isso é tão controverso que ela em face uma realidade como a citada em seu comunicado deveria era estar trabalhando em programas e aplicativos que permitam a empresa ser cada vez mais conectada e engajada mesmo a distância, fazendo por merecer ser uma empresa de ponta e pronta para trabalhar como o século 21 exige, e não como no século 20.

Eu não gostei da ideia, e estou procurando entender qual a razão que está realmente fazendo as empresas como essas encerrarem seus programas de Home Office.
Será que estamos vivendo o início do fim do Home Office?

Fontes:
http://allthingsd.com/20131008/yahoo-redux-hp-says-all-hands-on-deck-needed-requiring-most-employees-to-work-at-the-office-memo/
http://exame.abril.com.br/gestao/noticias/hp-estaria-extinguindo-pratica-de-home-office-diz-site
http://pt.wikipedia.org/wiki/Hewlett-Packard


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário